XClose

Why we post

Home

Social media through the eyes of the world

Menu

Igualdade online não significa igualdade off-line.

Ainda que as mídias sociais tragam grandes benefícios a populações previamente excluídas, como a facilidade de comunicação, isso pode não ter um impacto geral sobre a exclusão, diferenças sociais ou opressão off-line.

4-discovery
India

Neste filme, fazendeiros valorizam as vantagens das mídias sociais, mas não esperam que isso tenha nenhum impacto sobre desigualdades mais amplas.

Brazil

Dentre brasileiros de baixa renda, as mídias sociais são um sinal de mobilidade ascendente que pode impressionar pessoas na mesma posição social, mas não muda a forma como as pessoas de classes superiores enxergam alguém.

História

Comprar um smartphone é uma boa jogada?

Chile

Aqui, em contraste com o Brasil, as pessoas evitam expressões de desigualdade tanto off-line como online. Isso se dá, em parte, porque em nosso local de pesquisa as pessoas se identificam fortemente com um sentimento de serem marginais, se comparado a regiões mais metropolitanas. Em resposta a isso, elas têm um sentimento forte de sua própria solidariedade comunitária.

Turkey

As mulheres podem alcançar mais liberdade online, onde podem participar de atividades longe dos olhares de suas famílias, mas isso não gerou mais igualdade de gênero off-line.


História

As vidas secretas online de jovens mulheres

Industrial China

Ter os novos smartphones, como o último iPhone, da Apple, é um indicador importante das aspirações dos operários para além de sua classe. Online, entretanto, os operários tendem a se comunicar com sua própria classe.

Trinidad

As mídias sociais permitem que as pessoas se apresentem como sendo de uma classe mais alta através da publicação de imagens que mostram o que é considerado como um estilo de classes mais altas, mas isso não se traduz em um posicionamento social mais elevado off-line.

4-trinidad-comment
Rural China

Muitas plataformas de mídias sociais chinesas têm recursos similares a jogos que encorajam os usuários a coletar pontos e exibir os níveis alcançados, frequentemente com base na quantidade de atividade realizada em uma plataforma. Isso cria novas formas de desigualdade online, uma vez que a pobreza restringe a quantidade de tempo que uma pessoa pode passar na Internet, tornando, assim, ascender nas classificações uma tarefa difícil.

4-rural-china-comment